Pastor Josias Moura

Estudos Bíblicos, sermões, cursos ead, Teologia, Bibliotecas digitais, apostilas

Estudo para encontro de homens, mulheres, jovens e crianças. Tema: APÓSTOLO PAULO – O COLÉRICO

APÓSTOLO PAULO – O COLÉRICO

O personagem bíblico que melhor ilustra o temperamento colérico é o apóstolo Paulo. Ele é de fato excelente exemplo da maneira como o Espírito Santo modifica uma pessoa de vontade ruim, após sua conversão. Saulo de Tarso era um colérico de aprimorada educação e com muita religiosidade.

Aparece na história bíblica, participando do apedrejamento de Estevão em Atos 7:54-58.

As testemunhas deixaram suas vestes aos pés de um jovem chamado Saulo, o que nos indica ser ele o líder do grupo. Estudiosos afirmam que ele era membro do Sinédrio do conselho dos setenta anciãos de Israel.

Quais eram as características do Paulo Colérico?

Cruel

A Bíblia descreve Saulo como “respirando ameaças e morte contra os discípulos do Senhor”. At 9:1-2.

A maioria dos coléricos tem forte tendência a astúcia e a ardilosidade quando motivados pelo ódio ou pela intolerância.

Antes da conversão de Paulo, ele era por instinto um líder zeloso e ativo, implacavelmente cruel com os que o contrariavam.

Veja a força de vontade de um Colérico.

Uma das maiores vantagens do indivíduo com este temperamento é sua força de vontade, o que pode fazer dele uma pessoa muito bem sucedida.  

Paulo se refere aos Corintos dessa maneira, veja em I Co 9:24-27.

Portanto, suas atitudes tinham metas definidas, Paulo sabia o que queria e para onde ia.

Ele sabia que autodisciplina começa na mente.

Se você não resolver em sua mente que deve fazer determinada coisa, provavelmente jamais você conseguirá fazê-la II Co 10:1-6.

 1 E eu mesmo, Paulo, vos rogo, pela mansidão e benignidade de Cristo, eu que, na verdade, quando presente entre vós, sou humilde; mas, quando ausente, ousado para convosco, 2 sim, eu vos rogo que não tenha de ser ousado, quando presente, servindo-me daquela firmeza com que penso devo tratar alguns que nos julgam como se andássemos em disposições de mundano proceder. 3 Porque, embora andando na carne, não militamos segundo a carne. 4 Porque as armas da nossa milícia não são carnais, e sim poderosas em Deus, para destruir fortalezas, anulando nós sofismas 5 e toda altivez que se levante contra o conhecimento de Deus, e levando cativo todo pensamento à obediência de Cristo, 6 e estando prontos para punir toda desobediência, uma vez completa a vossa submissão.

Esta imensa força de vontade, fez dele um líder com capacidade de dirigir e motivar outras pessoas.

O Colérico é agressivo

A ira e agressividade são características deste temperamento.

Vimos que tais sentimentos o influenciaram antes de sua conversão, mas depois da sua conversão, raramente esses sentimentos apareceram.

Um desses casos é relatado em At 15, sua discussão com Barnabé, quando Paulo mostrou-se intolerante e inflexível.

Outra erupção de ira do apóstolo se encontra em At 23, ao ser levado preso perante o Sinédrio.

Isto mostra que um colérico, mesmo cristão, tem na ira um problema.

A transformação de Paulo

Apesar do grande potencial, o colérico é, provavelmente por natureza, o mais carente das características proporcionadas pela plenitude do Espírito Santo do que qualquer dos outros temperamentos.

Na carta aos Gl 5:22-23, nos revela as características necessárias ao temperamento colérico.

Todas elas se encontram na vida do apóstolo após sua conversão.

22 Mas o fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, 23 mansidão, domínio próprio. Contra estas coisas não há lei.

Amor

O Espírito Santo, de maneira maravilhosa, transformou um indivíduo irado, amargo e perseguidor, em uma pessoa calorosa e compassiva Rm 10:1 (versão RA): 1 Irmãos, a boa vontade do meu coração e a minha súplica a Deus a favor deles são para que sejam salvos.

RM 9:1-3 (versão NLTH): 1 O que eu digo é verdade. Sou de Cristo e não minto; pois a minha consciência, que é controlada pelo Espírito Santo, também me afirma que não estou mentindo. 2 Sinto uma grande tristeza e uma dor sem fim no coração 3 por causa do meu povo, que é minha raça e meu sangue. Para o bem desse povo, eu mesmo poderia desejar receber a maldição de Deus e ficar separado de Cristo.

Paz

O Espírito Santo de Deus fez com que Paulo compreendesse que a paz não depende de circunstâncias ideais. Quando o apóstolo foi encarcerado, um sentimento sobrenatural de paz tomou conta de seu ser.

Fp 4:11-12.

11 Digo isto, não por causa da pobreza, porque aprendi a viver contente em toda e qualquer situação. 12 Tanto sei estar humilhado como também ser honrado; de tudo e em todas as circunstâncias, já tenho experiência, tanto de fartura como de fome; assim de abundância como de escassez;

Fp 4:6-7

6 A vossa palavra seja sempre agradável, temperada com sal, para saberdes como deveis responder a cada um.

7 Quanto à minha situação, Tíquico, irmão amado, e fiel ministro, e conservo no Senhor, de tudo vos informará.

Humildade

O Espírito Santo conhecia bem a necessidade que Paulo tinha de humildade, pois após sua visão do céu relatada em II Co 12, foi-lhe posto um espinho na carne Rm 8:28.

28 Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.

Ou seja, Paulo tinha a necessidade de sempre relembrar sua dependência de Deus.

Paulo entregou sua ruim vontade ao Senhor Jesus na estrada de Damasco. Quando ele tomou esta decisão, parecia ter muito a perder, porém, sua vida é um exemplo claro das palavras de Jesus “Quem perder a sua vida por minha causa, achá-la-á, Mt 10:39.

39 Quem acha a sua vida perdê-la-á; quem, todavia, perde a vida por minha causa achá-la-á.

É formado em Teologia,  Análise e desenvolvimento de Sistemas e Licenciatura em Matemática. Especializado  em Tecnologias de aprendizagem a distância,  produção de conteúdos digitais para a Internet e Mestre em Teologia.

 >>  MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O AUTOR

compartilhe esta mensagem:

Facebook
Google+
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Pinterest
Print
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postagens relacionadas

CURSOS EAD
Faça um curso Ead 
Gratuito
com certificação

Entre no curso que deseja fazer e comece a assistir as aulas agora. 

Cursos a distância gratuitos

Cursos Ead parceria 
Setebras

Curso Ead: Introdução ao Marketing digital

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Introdução ao Marketing digital

Mais informações aqui

Curso Ead: Gestão de Projetos

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Gestão de Projetos

Mais informações aqui

Curso Ead: Inovação e Criatividade

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Inovação e criatividade

Mais informações aqui
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
POSTAGENS ANTERIORES
Assine este site.

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 6.988 outros assinantes

Faça um curso teológico Gratuito

QUER FAZER UM CURSO DE TEOLOGIA GRATUITAMENTE?

Faça um curso de teologia com acesso gratuito a todo o conteúdo em nosso ambiente de educação a distância. 

 

CLIQUE AQUI PARA MAIS INFORMAÇÕES


 

Veja também o nosso vídeo divulgativo:

Rolar para cima
%d blogueiros gostam disto: