Estudo especial para EBD. Tema: Vença a desesperança

Vença a Desesperança

Texto Básico: Lamentações 3.21-39 

Objetivo deste estudo:  Escolher ter esperança, em meio ao desespero.

INTRODUÇÃO

A diferença entre grandeza e mediocridade geralmente é determinada pela forma como a pessoa encara os seus erros. A pessoa é grande quando entende que o fracasso é uma taxa que pagamos para o sucesso.

O profeta Jeremias estava vivendo uma situação de aflição e fracasso. O seu povo estava sendo destruído pelo exército babilônico. Nos anos de 588 a 586 A C. os babilônicos destruíram a nação de Israel, com a destruição de todas as cidades e morte de quase toda a população.

Jerusalém foi invadida, os muros foram derribados, o templo foi saqueado, os príncipes foram assassinados, e o rei Zedequias foi cegado e posto em prisão perpétua (cf Jr 52). Os poucos sobreviventes foram levados para a Babilônia.

O profeta então lamenta: Como jaz solitária a cidade outrora populosa! Tornou-se como viúva a que foi grande entre as nações; princesa entre as províncias ficou sujeita a trabalhos forçados! (Lm 1.1).

É neste contexto de ruína e desesperança que Jeremias, mesmo em péssimas condições pessoais (Lm 3.1-20), diz: Quero trazer a memória o que me pode dar esperança (Lm 3.21).     ‘

A lição de hoje nos ensina como vencer a desesperança.

 EXPOSIÇÃO

  1. RAZOES PORQUE DEVEMOS TER ESPERANÇA

Embora as inconstâncias da vida nos indiquem um caminho de desesperança, a Palavra de Deus nos dá razões para termos esperança.

1.1. Deus é misericordioso.

A primeira delas, é o fato de que o Deus ao qual servimos é “misericordioso”. As misericórdias do Senhor são a causa de não sermos consumidos porque as suas misericórdias não têm fim; renovam-se cada manhã(3.22).

A palavra misericórdia do hebraico “chesedh” indica o sentimento do coração de Deus pela miséria do homem. É a capacidade de se colocar no lugar do outro, ou seja, ver, sentir e pensar como ele. Deus é misericordioso quando se fez homem, em Cristo Jesus.

Ele sente o que estou sentindo. Conhece a minha dor e a minha tristeza.

E as misericórdias do Senhor não têm fim e se renovam a cada dia. Deus é o “Pai de misericórdias” (2 Co 1.3).

1.2. Deus é fiel

A segunda razão que ele traz à mente é a fidelidade do Senhor: Grande é a tua fidelidade (Lm 3.23).

É importante destacar que este atributo de Deus sempre é relacionado com a Aliança, isto é, o compromisso que Deus têm em abençoar o seu povo.

O profeta chama a nação de filha de Sião (Lm 2.1). Deus disciplina a quem ama, contudo Ele tem um compromisso com o seu povo.

1.3. Deus é bom

A terceira realidade que Jeremias traz á mente, é a bondade de Deus. Ele diz: A minha porção é o Senhor, diz a minha alma; portanto esperarei nele. Bom é o Senhor para os que esperam por ele, para a alma que o busca. Bom é aguardar a salvação do Senhor, e isso em silêncio (Lm 3.24-26).

Este atributo está ligado à santidade de Deus. A Sua bondade infinita é uma perfeição de seu ser que caracteriza a sua natureza e é em si mesma a fonte de tudo que é bom, na criação.

A bondade inclui benevolência, complacência, misericórdia e graça. E esta bondade me dá a certeza de que Deus virá novamente ao meu socorro.

1.4. Deus nos aperfeiçoa

A quarta realidade que Jeremias traz à mente, para vencer sua desesperança, é o fato nos momentos difíceis, nas tragédias e dificuldades. Deus está trabalhando no seu caráter. Bom é para o homem suportar o jugo na sua mocidade. Assente-se solitário e fique em silêncio; porquanto esse jugo Deus o pôs sobre ele; ponha a sua boca no pó; talvez ainda haja esperança. (Lm 3.27-29).

De Deus procede tanto o mal como o bem e, conseqüentemente, todas as coisas contribuirão para o bem daqueles que amam a Deus. Quem é aquele que diz, e assim acontece, quando o Senhor o não mande? (Lm 3.37).

Benjamin Frankilin asseverou com muita propriedade: “Aquilo que fere, instrui”. Um das maneiras de fazer sucesso na vida é a habilidade de tirar lucros das derrotas.

 

  1. ATITUDES IMPORTANTES NO MOMENTO DO FRACASSO…

O profeta Jeremias diz: quero trazer à memória… Memorizar é um exercício da mente, uma atividade racional. A esperança ressurge na mente, desce ao coração e motiva a ação.

2.1. Aceitação

Aceite aquilo que você não pode mudar. Há coisas que não podem ser alteradas, não importa o quanto você lute para que isso aconteça.

Jeremias estava convencido de que o castigo de Deus foi decretado por Deus. As tristezas de Sião provêm do Senhor! (Lm 2)

E não adianta brigarmos com Deus, ficarmos revoltados e irados contra Ele. A sua vontade prevalecerá (Jó 42.1-2).

2.2. Murmuração

Pare de fazer o jogo da culpa. Infelizmente gostamos de transferir a culpa para os outros. Toda vez que algo dá errado queremos colocar a culpa disso em alguma coisa ou em alguém.

Sempre perguntamos: De quem é a culpa? (Jo 9.1-3). Jeremias afirma: Por que, pois, se queixa o homem vivente? Queixe-se cada um dos seus próprios pecados (Lm 3.39).

Assuma o seu pecado e o seu erro, como confessou o profeta: Nós prevaricamos, e fomos rebeldes (Lm 3.42). Quando você errar, admita.

Tal atitude cria a condição para o recebimento do perdão e da cura divina: Esquadrinhemos os nossos caminhos, provemo-los, e voltemos para o Senhor (Lm 3.40).

2.3. Busca

Terceiro, busque uma visão de Deus. Entendo visão como uma imagem mental clara de um futuro desejado a partir de uma avaliação do presente. Leia e medite a experiência de Neemias (Ne 2.17-18).

E não existe visão de Deus fora da sua Palavra. A Bíblia ilumina os olhos (Sl. 19.8). Por meio da Bíblia, seu estudo e meditação, o homem volta a ter novos sonhos. A principal doutrina da Bíblia é a da soberania de Deus, isto é. Deus é poderoso para fazer tudo o que quer e da maneira que quiser (SI 115.1-3).

Baseado na soberania de Deus, o profeta Jeremias pede: Tu, Senhor, reinas eternamente, o teu trono subsiste de geração em geração. Porque te esquecerias de nós para sempre? Porque nos desampararias por tanto  tempo? Converte-nos a ti. Senhor, e seremos convertidos; renova os nossos dias como dantes (Lm 5.19-21).

O nosso Deus é todo poderoso e somente Ele tem o poder de converter e renovar pessoas e mentes destruídas. Lembre-se que fracassar não quer dizer que você é um fracasso.

 

CONCLUSÃO

Traga à memória hoje o que lhe pode dar esperança. Deus é a nossa esperança. Pense em Deus e creia nele. Você não deve ficar refém dos erros do passado.

James Long diz: “Uma das razões pelas quais Deus criou o tempo foi a de prover um lugar onde pudéssemos enterrar as falhas do passado”.

Creia que Deus está no controle e Ele é poderoso para reverter qualquer situação.

 

PONTOS PARA DISCUTIR

  1. “O fracasso é a melhor oportunidade que tenho de saber quem realmente sou” John Kiilinger
  2. “Experiência não é aquilo que acontece a você. Experiência é o que você faz com o que acontece a você” (Aldous Huxley)
  3. “O que encobre as suas transgressões jamais prosperará; mas o que as confessa e deixa alcançará misericórdia” (Pv 28.13)

 

 

É formado em Teologia,  Análise e desenvolvimento de Sistemas e Licenciatura em Matemática. Especializado  em Tecnologias de aprendizagem a distância,  produção de conteúdos digitais para a Internet e Mestre em Teologia.

 >>  MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O AUTOR

compartilhe esta mensagem:

Facebook
Google+
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Pinterest
Print
Email

Postagens relacionadas

CURSOS EAD
Faça um curso Ead 
Gratuito
com certificação

Cursos a distância gratuitos

Cursos Ead parceria 
Setebras

Curso Ead: Introdução ao Marketing digital

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Introdução ao Marketing digital

Mais informações aqui

Curso Ead: Gestão de Projetos

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Gestão de Projetos

Mais informações aqui

Curso Ead: Inovação e Criatividade

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Inovação e criatividade

Mais informações aqui
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
POSTAGENS ANTERIORES

Faça um curso teológico Gratuito

QUER FAZER UM CURSO DE TEOLOGIA GRATUITAMENTE?

Faça um curso de teologia com acesso gratuito a todo o conteúdo em nosso ambiente de educação a distância. 

 

CLIQUE AQUI PARA MAIS INFORMAÇÕES


 

Veja também o nosso vídeo divulgativo:

Assine este site.

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 7.193 outros assinantes