Pastor Josias Moura

Estudos Bíblicos, sermões, cursos ead, Teologia, Bibliotecas digitais, apostilas

Estudo EBD: Renovação na vida diária do cristão e da Igreja. (Estudo Bíblico para a Escola Bíblica da Igreja do Betel Brasileiro Geisel)

Renovação na vida diária

do cristão e da Igreja

"Tenho ouvido, ó SENHOR, as tuas declarações, e me sinto alarmado; aviva a tua obra, ó SENHOR, no decorrer dos anos, e, no decurso dos anos, faze-a conhecida. " Habacuque 3: 2

Atos 4: 23-31

INTRODUÇÃO

A igreja que deseja crescer deve colocar-se sob a total direção do Espírito Santo. A igreja primitiva viveu a realidade do Pentecostes. As pessoas que construíram a história dos avivamentos espirituais receberam a virtude do Espírito Santo. E hoje muitas pessoas estão tendo sua experiência com a plenitude de Deus.

A pergunta que se faz é: aquele momento em que o crente foi cheio da unção divina é o suficiente? Um cristão que recebeu a renovação espiritual precisa se renovar habitualmente? Uma vez renovado, sempre renovado?

I-ELEMENTOS QUE TENTAM MINAR A RENOVAÇÃO

a) O desvio dos caminhos do Senhor. O Antigo Testamento mostra como Israel se afastava facilmente dos caminhos de Deus, Os. 6: 4-5. Quando isso acontecia, o Senhor levantava um profeta para chamar a atenção do povo, ls. 6: 8. Havia concerto e restauração.

A Igreja não foge dessa tendência de manter altos e baixos. Por isso sua história está pontilhada de reformas, avivamentos e reavivamentos. Até mesmo as igrejas locais passam por esses ciclos, 1 Co. 3:1. Há períodos de avanços e crescimento seguidos de lutas, provações, esfriamento que levam à mornidão e à inatividade.

Por isso, é fundamental que todo cristão busque constantemente a renovação espiritual para que possa prevalecer sobre as tendências humanas e sobre as ações malignas que tentam afastar o povo de Deus do caminho que conduz à vida eterna, Ef 5: 18.

b) A pressão do mundo globalizado sobre a igreja. Como instituição, a igreja, composta de pessoas envolvidas nas mais diferentes áreas, está sujeita a pressões oriundas dos altos e baixos do mundo moderno, que jaz no maligno, 1 Jo 5: 19. A globalização, representada pela revolução tecnológica, pela nova dinâmica das relações econômicas mundiais, pela implantação do inglês como língua universal, pelo avanço nas comunicações, pelo predomínio da ideologia neoliberal – tudo isso vai mudando o jeito de ser e de agir das pessoas.

E num mundo assim que está a Igreja. Ela tem de entender seu tempo e se renovar, não no sentido de se abrir para as práticas imorais ou ateístas, mas para as estratégias de evangelismo, para mensagens contextualizadas, para as propostas de dinâmica de seu culto a Deus, 1 Co 9: 22-23.

c) O afastamento dos planos de Deus. É, entretanto, na área espiritual que está a razão mais profunda para a busca da manutenção da renovação espiritual. Tem ocorrido de igrejas se acomodarem tanto que acabam se afastando dos propósitos de Deus. A membresia se contenta com o ritualismo e não busca mais a renovação, Ap. 3:16. As lideranças passam a ser governadas pela lei do interesse pessoal e não pela vontade Deus. A vida cristã começa a ser dirigida pelos desejos carnais e não pelos espirituais, Rm. 1:21-22. A religiosidade torna-se sinônimo de Cristianismo autêntico. Assim, anulam qualquer probabilidade de uma ação mais intensa do Espírito Santo. As portas ficam abertas para os problemas de ordem ética e moral e isso exige uma intervenção de Deus.

II- A DIREÇÃO DE DEUS FAZ TUDO COMEÇAR DE NOVO

a) Deus quer a renovação. E impossível deter a ação de Deus, Jo. 3:8. Quando o estado da igreja é de frieza, Deus levanta grupos de oração. São pessoas que oram mais, jejuam mais, lêem a Bíblia com mais intensidade, evangelizam mais e, conseqüentemente, ganham mais vidas para Cristo.

Eles incomodam aqueles que nada querem. Quase sempre conflitam, mas pagam o preço e vêm a constituir o foco através do qual o Senhor vai agir na Igreja e na comunidade. Assim nasceram os grandes avivamentos e também a renovação no Brasil.

b) Princípio da renovação. O descontentamento com a vida espiritual pacata e infrutífera produz restauração espiritual. A história dos avivamentos mostra que o mover do Espírito Santo sempre aconteceu em momentos de desvios da igreja de Jesus.

Na década de 60, dentro de várias denominações, muitas pessoas estavam descontentes com o estado de sua igreja e começaram a buscar as promessas bíblicas e uma real transformação da vida. Começou a existir forte paixão pela oração, leitura da Bíblia, cânticos avivados e estudos sobre a doutrina do Espírito Santo, manifestação dos dons espirituais e santificação de vida.

Como o salmista se expressou no salmo 51:10, devemos pedir a Deus: “Cria em mim, ó Deus, um coração puro, e renova em mim um espírito reto”.

c) Sinais de renovação. Inicialmente, há um aumento na freqüência aos cultos. Ninguém quer perder as atividades da igreja. A luz das Escrituras, a convicção de pecados pessoais apodera-se de muitos, At 16: 30, 31. Um grande quebrantamento vem sobre as pessoas e uma vida de santidade passa a ser procurada. A liberdade ao Espírito Santo prevalece em todos os cultos, 2 Co 3: 17. As mensagens são simples, mas fervorosas, cheias da unção e do poder de Deus. Para onde essas pessoas vão, levam a visão renovada. Assim nasce um forte avivamento.

d) Manutenção da renovação. A igreja precisa permanecer firmada na Palavra e persistir na vida de oração e comunhão com Deus para manter-se renovada. Assim verá constantes avivamentos e crescimento integral.

Devemos sempre procurar seguir a recomendação dada pelo apostolo: "Falando entre vós em salmos, e hinos, e cânticos espirituais; cantando e salmodiando ao Senhor no vosso coração; Dando sempre graças por tudo a nosso Deus e Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo" (Efésios 5:19-20).

CONCLUSÃO

Manter uma vida de renovação diária é sempre desafiador. Devemos ter algumas disciplinas para isso, como a oração, a leitura da palavra de Deus e o hábito de frequentar a nossa igreja para sermos alimentados na vida espiritual. Que Deus nos ajude a sermos fieis.

É formado em Teologia,  Análise e desenvolvimento de Sistemas e Licenciatura em Matemática. Especializado  em Tecnologias de aprendizagem a distância,  produção de conteúdos digitais para a Internet e Mestre em Teologia.

 >>  MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O AUTOR

compartilhe esta mensagem:

Facebook
Google+
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Pinterest
Print
Email
CURSOS EAD

Entre no curso que deseja fazer e comece a assistir as aulas agora. 

Cursos a distância gratuitos

Curso Ead: Introdução ao Marketing digital

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Introdução ao Marketing digital

Mais informações aqui

Curso Ead: Gestão de Projetos

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Gestão de Projetos

Mais informações aqui

Curso Ead: Inovação e Criatividade

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Inovação e criatividade

Mais informações aqui
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
POSTAGENS ANTERIORES

Faça um curso teológico Gratuito

QUER FAZER UM CURSO DE TEOLOGIA GRATUITAMENTE?

Faça um curso de teologia com acesso gratuito a todo o conteúdo em nosso ambiente de educação a distância. 

 

CLIQUE AQUI PARA MAIS INFORMAÇÕES


 

Veja também o nosso vídeo divulgativo:

Rolar para cima
%d blogueiros gostam disto: