Pastor Josias Moura

Estudos Bíblicos, sermões, cursos ead, Teologia, Bibliotecas digitais, apostilas

ESTUDO EBD: O DESAFIO DO CORPO DE CRISTO (Estudo Bíblico para Escola dominical da Igreja Betel Geisel)

O DESAFIO DO CORPO DE CRISTO

João 17: 1-26

"Não rogo somente por estes, mas também por aqueles que vierem a crer em mim, por intermédio da sua palavra; afim de que todos sejam um; e como és tu, ó Pai, em mim e eu em ti, também sejam eles em nós; para que o mundo creia que tu me enviaste." João 17: 20-21

INTRODUÇÃO

A Igreja jamais crescerá integralmente se não existir unidade entre os membros do Corpo. A divisão de forças promoverá o enfraquecimento de todo o grupo. E o contínuo esforço para a convivência harmoniosa com Deus e com o próximo que promove o aperfeiçoamento das práticas cristãs e a participação nos privilégios da comunhão.

Em João 17, Jesus roga ao Pai em favor da unidade do povo de Deus. Riqueza, posição social, nacionalidade e outros interesses são esquecidos em favor do que realmente importa. Portanto, Ele quer que vivamos no amor e na unidade de Seu Espírito.

Quando o cristão participa da Ceia do Senhor, onde corpo e o sangue de Jesus são representados pelo suco de uva e pelo pão, ele está em comunhão com o Filho de Deus. (Jo. 6:53-56). Mas o crente que desenvolve diariamente seu relacionamento com Deus através do processo de santificação será bem-aventurado. Em Jesus há cura para o corpo, alegria para a alma e fortalecimento para o espírito.

EM BUSCA DA UNIDADE DA IGREJA

a) Falta de unidade impede o crescimento, 1 Co. 3:1. Muitos cristãos têm permitido que a inveja, a falta de perdão e o orgulho entrem em suas vidas. Os relacionamentos quebrados no meio da Igreja servem de barreira ao Espírito de Deus e machucam o Corpo de Cristo. Por causa disto, tais pessoas não crescem espiritualmente e não conseguem permanecer firmes na fé, 1 Co 1: 13.

Somos partes de um mesmo corpo, a família de Deus, 1 Co 12: 12-14. Quando nos reunimos, como líderes ou membros da igreja, percebemos que cada um tem dons e temperamentos diferentes, cada um tem seu próprio estilo mas, unidos em Cristo, podemos causar um impacto poderoso neste mundo incrédulo, 1 Co 12: 18.

b) A unidade do Corpo ajuda a atingir a maturidade espiritual, Jo 17: 23a. O verbo aperfeiçoar significa “levar a ser completo, consumar, terminar, preencher”. Jesus nos ensina que nunca seremos maduros e fortes o bastante até o instante em que formos unidos, porque é na unidade que somos aperfeiçoados. Jamais atingiremos sozinhos o alvo da perfeição, Ef 4: 13.

c) Derrotas trazidas pela falta de unidade. Por causa da falta de unidade, alguns soldados estão fracos e incapazes de erguer o escudo da fé, Ef 6: 16. Satanás os tem atingido com dardos inflamados: imoralidade, orgulho, depressão, dúvida e outros; com isto, muitos abandonam o Evangelho e, cedendo às tentações deste mundo, impedem o progresso da obra de Deus, G1 5: 19-21. Conseqüentemente, não haverá maturidade espiritual nem evangelismo efetivo nem orações fervorosas.

d) A unidade e a proclamação da Palavra, Jo 17: 22-23. Se não somos unidos, o mundo jamais crerá em Cristo. As divisões são o maior problema que a Igreja enfrenta na hora de fazer evangelismo e missões. Os muçulmanos dizem: “O que os cristãos têm de diferente para nos oferecer? Um livro? Um profeta? Um Deus? Nós também temos um livro, um profeta e um deus.” Então, a diferença terá de ser vista através da nossa unidade, pois isto é o que fala alto a este mundo desunido.

PROMESSAS DE DEUS ÀQUELES QUE VIVEM EM UNIDADE

Em Mateus 18, Jesus menciona duas leis, entre outras, para mantermos o relacionamento correto uns com os outros: a lei da reconciliação, w. 15-17, e a lei do perdão perpétuo, w. 21-22, e, entre essas duas leis, nos dá três promessas, w. 18-20.

Ele interrompe o que estava dizendo para falar dessas promessas. Na leitura, se pularmos do verso 17 para o verso 21, parece haver continuação do assunto. Todavia, Jesus introduz as duas leis para mostrar que Suas promessas são condicionais e que a condição, neste texto, é ter um relacionamento correto uns com os outros. Vejamos estas promessas:

a) Autoridade para o Corpo, Mt. 18: 18; 28: 18-19. Jesus deu à Igreja autoridade para ir e fazer a Sua obra, para amarrar o inimigo e libertar cativos. Satanás, porém, sabendo que temos esta autoridade, tenta nos dividir e destruir. Ele sabe que, se conseguir entrar na Igreja ou no lar através de relacionamentos quebrados, brigas e amarguras, então não haverá poder entre o povo de Deus. Infelizmente, ele tem feito com que muitos cristãos se dividam em questões sem muita importância, deixando de lado aquelas que são essenciais e, com isso, a autoridade deles tem sido enfraquecida.

b) Resposta às orações coletivas, Mt 18: 19. A palavra concordar significa “ter harmonia, soar bem juntos”. E como uma orquestra, onde diversos instrumentos emitem sons diferentes, mas quando tocados juntos produzem uma melodia maravilhosa, um som harmonioso. O Senhor diz que, quando nos reunimos e concordamos, podemos pedir e será feito. A oração é uma das armas mais eficazes do crente, no entanto, tem sido pouco usada hoje, Jo 15: 7.

c) Presença de Deus, Mt 18: 20. Quando qualquer pessoa não crente entrar em nossa igreja, perceberá a união e a harmonia entre todos, sentirá o impacto da presença do Deus vivo e decidirá fazer parte do Corpo de Cristo também.

Um dos grandes desafios que os cristãos enfrentam é o de construir relacionamentos sadios no Corpo de Cristo. Precisamos aprender a vencer barreiras pessoais. Fala-se muito sobre unidade, mas ela é pouco vivida. Só cresceremos integralmente se criarmos vínculos fraternos.

É formado em Teologia,  Análise e desenvolvimento de Sistemas e Licenciatura em Matemática. Especializado  em Tecnologias de aprendizagem a distância,  produção de conteúdos digitais para a Internet e Mestre em Teologia.

 >>  MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O AUTOR

compartilhe esta mensagem:

Facebook
Google+
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Pinterest
Print
Email

Postagens relacionadas

CURSOS EAD
Faça um curso Ead 
Gratuito
com certificação

Cursos a distância gratuitos

Cursos Ead parceria 
Setebras

Curso Ead: Introdução ao Marketing digital

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Introdução ao Marketing digital

Mais informações aqui

Curso Ead: Gestão de Projetos

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Gestão de Projetos

Mais informações aqui

Curso Ead: Inovação e Criatividade

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Inovação e criatividade

Mais informações aqui
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
POSTAGENS ANTERIORES

Faça um curso teológico Gratuito

QUER FAZER UM CURSO DE TEOLOGIA GRATUITAMENTE?

Faça um curso de teologia com acesso gratuito a todo o conteúdo em nosso ambiente de educação a distância. 

 

CLIQUE AQUI PARA MAIS INFORMAÇÕES


 

Veja também o nosso vídeo divulgativo:

Assine este site.

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 6.986 outros assinantes

Rolar para cima
%d blogueiros gostam disto: