Lição 15 da EBD. Tema: Instruções para grupos específicos na igreja

Lição 15 da EBD. Tema: Instruções para grupos específicos na igreja

Tito 2.1-10; Tito 2.1

“Mas você, ensine o que está de acordo com a sã doutrina.”

INTRODUÇÃO

Embora fique em maior evidência que aqui Paulo dá orientações aos grupos da igreja (homens, mulheres, jovens e servos), vale notar que ele tem algumas orientações que cabem ao pastor (líder) da igreja, no caso aqui o seu discípulo, Tito.

I.Uma palavra pessoal a Tito (Tt 2.1,7-8)

1.Fale de acordo com a sã doutrina (v.1). Ao contrário dos falsos mestres que existiam ali em Creta, Tito devia se manter fiel ao ensino da sã doutrina. Muitas vezes, os líderes cristãos são pressionados a inventar “atrativos” (ensinos não baseados nas Escrituras) para alcançar as pessoas, enquanto o que Deus espera é encontrar os líderes cristãos fiéis (lCo 4.2). O dever do líder de uma igreja local é ensinar as Escrituras Sagradas (Mt 28.20).

2.Seja exemplo aos jovens (v7). A ideia aqui é a mesma que Paulo orienta a Timóteo, dizendo para ele ser padrão de boa conduta (lTm 4.12). Tito ainda era um “adulto/jovem”, e sua maneira de viver certamente serviría de influência aos mais jovens. Os líderes devem sempre lembrar que as suas atitudes impactam a vida dos mais jovens.

3.Seja um “professor” íntegro e sério (v.7)

  • Integridade = pureza de motivo. No contexto aqui, mostra ausência de desejo de qualquer tipo de lucro com isso. O líder não deve ensinar com o objetivo de receber, ou mesmo, extorquir dinheiro de seus alunos.
  • Seriedade = reverência. Demonstra alto tom moral e maneira séria (lTm 2.2). O líder precisa mostrar vida piedosa para que aquilo que ele ensina tenha autoridade.

4.Seja puro no falar (v.8)

Tenha uma linguagem sadia conforme o evangelho apostólico – puro tanto na maneira como no conteúdo. O uso das palavras no momento que está anunciando a palavra de Deus é muito importante para que o ouvinte perceba o temor do pregador. O cuidado de não poluir o ensino da palavra de Deus com nenhuma heresia é também uma tarefa que o pregador deve ter.

II.Orientação aos homens mais velhos (Tt 2.2)

1.Sejam moderados. A palavra grega usada por Paulo traz o entendimento de “temperantes”, “sóbrios” “que têm controle próprio em satisfazer os seus desejos”. O homem mais velho deve ser exemplo em seu domínio próprio, controlando seus impulsos (desejos). Essa orientação é também vista em 1 Timóteo 3.2, quanto às qualificações que os presbíteros deveríam ter. Os cretenses eram acusados de não ter domínio próprio, mas entre os cristãos esse mal não podería imperar.

2.Sejam dignos de respeito. O termo grego pode ser traduzido por “respeitáveis, sensatos, dignos, sérios”. Segundo Kelly, “o adjetivo abrange ao mesmo tempo o tempero interior e a postura exterior”. O homem mais velho dentro da comunidade cristã deve ser exemplo também na sua lisura. O respeito não devia vir somente por causa da sua idade, mas sim porque os demais cristãos podiam ver na vida dele o merecimento de tal respeito. A ideia é: há coerência no que essa pessoa fala e vive?

3.Sejam sensatos. O termo grego usado aqui traz a ideia de disciplinados. O que Paulo está chamando a atenção é que a disciplina dos mais velhos serve para orientar os mais novos a viver a vida cotidiana de maneira que agrada ao Senhor e testemunha aos incrédulos.

4.Sejam sadios na fé, no amor e na perseverança. Essa tríade que encontramos em outros escritos de Paulo (lTm 6.11; 2Tm 3.10; lTs 1.3) vem trazer para o conceito dessas orientações uma conotação estritamente cristã, pois é certo que as demais qualificações citadas podiam ser exigências de qualquer homem idoso em Creta, mas fé, amor e perseverança saudáveis só se requer e se espera do cristão.

III.Orientação às mulheres mais velhas(Tt 2.3-4)

1.Sejam reverentes (v.3). As mulheres devem levar para a vida cotidiana a mesma reverência que praticam no templo (culto). A maneira que as mulheres de Creta viviam era extremamente pecaminosa e deplorável. Assim, as mulheres cristãs são orientadas a.se opor a essa maneira de viver.

2.Não sejam caluniadoras (v.3). As mulheres idosas que, na maioria, têm mais tempo livre devem tomar cuidado para que essa ociosidade não as leve ao pecado da calúnia (fofoca e difamação).

3.Não sejam escravas de muito vinho (V.4). O contexto da vida social de Creta favorecia uma vida de bebedice. Portanto, há uma orientação às mulheres idosas que não se deixassem levar pela prisão do alcoolismo.

4.Sejam capazes de ensinar. Discipular as mulheres mais novas a amarem ao marido e a seus filhos era uma tarefa nobre que Paulo orienta Tito a ensinar às mulheres mais velhas, com o objetivo de ocupar o tempo ocioso delas. A ideia de Paulo é que as mulheres com mais experiência cristã devem aconselhar e encorajar as mais novas, pela Palavra e pelo exemplo.

IV.Orientação às mulheres (casadas) mais novas  (Tt 2.4-5)

1.Amem ao marido e a seus filhos (v.4). A primeira orientação às mulheres tem a ver com seu âmbito familiar. Elas deviam zelar (amar/cuidar) do marido e dos seus filhos.

2.Sejam prudentes e puras (v.5). É provável que o ambiente pernicioso de Creta favorecesse as mulheres mais novas a terem vida promíscua, por isso a orientação de Paulo é que as mulheres cristãs fossem puras.

3.Sejam trabalhadoras (boas donas de casa) (v.5). No lar judeu, a mulher tinha que fazer o serviço de limpeza, cozinhar, cuidar das crianças, guardar a casa e ser hospitaleira. No contexto atual em que muitas mulheres trabalham fora de casa, é importante notar o papel da esposa no cuidado com a casa junto ao equilíbrio entre seu dever (como esposa) e sua vocação/aptidão no trabalho fora de casa. É um grande desafio!

4.Sejam bondosas (v.5). Essa bondade e simpatia eram devidas pela mulher à sua família e aos seus empregados (se os tivesse).

5.Sejam sujeitas ao marido (v.5). É notória a importância do tema “mulheres sujeitas ao marido” nas Escrituras (Ef 5.22; I Co. 14.35; Cl 3.18), pois faz referência ao desígnio de Deus para a mulher desde a sua criação. Sua posição de auxiliadora representa a relação da igreja com Jesus (EF.5.24).

V.Orientação aos jovens (Tt 2.6-8)

1.Sejam prudentes (v.6). O termo grego significa exercer autocontrole, ter a cabeça no lugar, ter toda a vida sob o controle da mente, ser criterioso, ser sensato. Os jovens deveríam exercer o domínio próprio, não se deixando levar pelo contexto libertino que existia em Creta.

2.Sejam realizadores de boas obras (v.7-8). Deveriam compreender a importância das boas obras para o testemunho do evangelho e praticá-las com o intuito de glorificar a Deus (Mt 5.16).

VI.Orientação aos escravos (Tt 2.9-10)

1.Sejam submissos aos seus senhores (v.9; ITm 6.1-2). A submissão dos escravos nas Escrituras tinha como objetivo levar esses irmãos a não cometerem nenhum mal contra a vida dos seus senhores. Também não deveriam fugir, mas antes servir aos senhores como se servissem ao próprio Senhor Jesus.

2.Sejam agradáveis aos seus senhores (v.9). Em outras palavras, deveriam deixar seus senhores satisfeitos com seus serviços.

3.Sejam educados (v.9). Não deveriam “responder” a seus senhores, retrucar ou falar contra alguém. O comportamento do escravo cristão deve levar em conta a sua fé e não a sua condição momentânea.

4.Não sejam ladrões (v.10). Muitos escravos tinham acesso aos ganhos dos seus senhores e poderiam ser tentados a roubar alguma quantia (pequenas e sistematicamente) ou ter algum aproveitamento de vantagens indevidas, por isso, a orientação para não cederem à tentação.

CONCLUSÃO

É bom notar como Paulo orientou Tito a respeito dos vários grupos na igreja. Cada grupo tem seu papel no desenvolvimento do corpo de Cristo. É importante que cada um nós cumpra os seus deveres, para o bem da igreja toda.

compartilhe esta mensagem:

Facebook
Google+
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Pinterest
Print
Email
CURSOS EAD
Faça um curso Ead 
Gratuito
com certificação

Cursos a distância gratuitos

Cursos Ead parceria 
Setebras

Curso Ead: Introdução ao Marketing digital

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Introdução ao Marketing digital

Mais informações aqui

Curso Ead: Gestão de Projetos

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Gestão de Projetos

Mais informações aqui

Curso Ead: Inovação e Criatividade

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Inovação e criatividade

Mais informações aqui
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
POSTAGENS ANTERIORES

Faça um curso teológico Gratuito

QUER FAZER UM CURSO DE TEOLOGIA GRATUITAMENTE?

Faça um curso de teologia com acesso gratuito a todo o conteúdo em nosso ambiente de educação a distância. 

 

CLIQUE AQUI PARA MAIS INFORMAÇÕES


 

Veja também o nosso vídeo divulgativo:

Assine este site.

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 7.180 outros assinantes