Estudo para encontro de homens, mulheres, jovens e crianças. Tema: Você realmente me conhece?

VOCÊ REALMENTE ME CONHECE?

“Samuel, porém, respondeu: “Acaso tem o Senhor tanto prazer em holocaustos e em sacrifícios quanto em que se obedeça à sua palavra? A obediência é melhor do que o sacrifício, e a submissão é melhor do que a gordura de carneiros. ” 1 Samuel 15:22

Por vezes nós pensamos que sabemos o que agrada a Deus e estamos certos de que sabemos aquilo que O desagrada.  Mas, pessoas como você, em diferentes lugares do mundo, estão começando a ouvir uma voz persistente no silêncio da noite: “Não estou perguntando o quanto você sabe a meu respeito, quero lhe perguntar: Você realmente me conhece? Você realmente me deseja? ”

No livro de primeiro Samuel lemos uma história que termina com um final triste, mas muito nos ensina, estamos falando sobre a vida do primeiro rei de Israel, Saul. Saul, tudo sabia sobre as histórias do Deus de Israel, mas o distanciamento da relação fez com que ele se tornasse um estranho, que apenas sabia sobre as verdades de Deus e seus milagres, mas não o conhecia mais, não sentia mais o seu coração, não distinguia mais a sua voz.

Você pode saber tudo sobre presidentes, realezas e celebridades; pode conhecer seus hábitos alimentares, endereço, estado civil. Mas, saber sobre eles não significa ter intimidade com eles, não significa que você os conheça. Na Era da Comunicação, com boatos passados de boca em boca, de grupo de whatsapp em grupo de whatsapp , de pessoa a pessoa, é possível compartilhar informações sobre alguém sem conhecê-lo pessoalmente. Se você ouvir duas pessoas conversando sobre a última tragédia que se abateu sobre alguma celebridade, ou a última vitória que ela experimentou, pode até pensar que elas conheçam a pessoa de quem estão falando, quando, na verdade, tudo que sabem são fatos a respeito dela! ”  

Saber a respeito de Deus não é o suficiente! Precisamos estar vigilantes para não sermos desviados, nem pela prosperidade, nem pela pobreza, seja ela em qual aspecto de nossas vidas for. Se nos perdermos dentro de nossas igrejas, nos tornaremos uma sociedade farisaica, onde nossos desejos e vontades jamais corresponderão aos do Espírito Santo. Se não tomarmos cuidado, estaremos cultivando o “culto ao bem-estar”: satisfeitos com nosso pastor amável, nossa igreja confortável, nosso fiel círculo de amigos, nos esquecendo dos milhares de insatisfeitos, feridos e aflitos que passam por nosso confortável templo todos os finais de semana! Isso, de fato, deve nos incomodar.

A IGREJA PRECISA ESTAR PRONTA PARA ACOMPANHAR O MOVER DE DEUS

 Deus está pronto para Se manifestar, mesmo que precise Se desviar de nossas igrejas para manifestar-Se em bares! Seríamos sábios em lembrar que Ele já fez isto antes, ao se desviar da elite religiosa para jantar com os pobres, os profanos e as prostitutas.

Então Levi ofereceu um grande banquete a Jesus em sua casa. Havia muita gente comendo com eles: publicanos e outras pessoas.  Mas os fariseus e aqueles mestres da lei que eram da mesma facção queixaram-se aos discípulos de Jesus: “Por que vocês comem e bebem com publicanos e ‘pecadores’? ” Jesus lhes respondeu: “Não são os que têm saúde que precisam de médico, mas sim os doentes. Eu não vim chamar justos, mas pecadores ao arrependimento”. Lucas 5:29-32

A Igreja do Ocidente e a Igreja Americana, em particular, têm exportado seus programas sobre Deus para o mundo inteiro, mas é hora de aprender que tais programas não significam avanço espiritual. O que precisamos é da presença de Deus. Precisamos tê-la! E o Senhor quer vir, mas do Seu jeito, não do nosso. Até que Ele venha, a ausência de “maravilhas” vai assombrar a Igreja. Podemos estar dentro das quatro paredes do templo orando para que o Senhor venha enquanto Ele passa lá fora…

Um dos primeiros passos para o avivamento real é reconhecer que você está em estado de decadência. Esta não é uma tarefa fácil em face da nossa aparente prosperidade, mas precisamos dizer: “Estamos em decadência. Não estamos mais vivendo nossos melhores momentos.”

Em termos econômicos, na sua vida profissional, no seu casamento, namoro, talvez tenha entrado em uma boa faculdade… até seja este um dos seus melhores momentos, quem sabe?

Mas, como um todo, a Igreja não está se movendo sobre uma onda de prosperidade espiritual.  Qual foi a última vez que sua presença, em algum lugar, levou pessoas a dizerem: “Tenho que me reconciliar com Deus”? Onde aqueles mencionados por Cristo em João 14:12 estão?  

Digo-lhes a verdade: Aquele que crê em mim fará também as obras que tenho realizado. Fará coisas ainda maiores do que estas, porque eu estou indo para o Pai.João 14:12

Se não olharmos cuidadosamente para essa passagem podemos não compreender com exatidão as palavras de Cristo. Ele estava as portas de encerrar o seu ministério na terra “eu estou indo para o Pai” mas aqueles que crerem em mim – quando cremos em Cristo nos tornamos a igreja dele, ou seja, “Eu estou indo para o Pai, mas a igreja que estou deixando aqui na terra, vai continuar com o meu trabalho”-

“Obras” não está relacionado apenas no contexto de milagres realizados por Cristo, mas sua jornada, sua principal missão, que ainda em tempo à de se lembrar, não era de curar pessoas e sim de salva-las, os milagres , os mortos ressurretos, os cegos que passaram a enxergar, tudo isso vem como um adorno a peça principal, chamada salvação! Não significa dizer que milagres não acontecem mais hoje, pelo contrário, entretanto, eles ocorrem como parte da obra de expansão do Reino, que é a obra maior realizada por meio da Igreja”

compartilhe esta mensagem:

Facebook
Google+
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Pinterest
Print
Email
POSTAGENS ANTERIORES

Faça um curso teológico Gratuito

QUER FAZER UM CURSO DE TEOLOGIA GRATUITAMENTE?

Faça um curso de teologia com acesso gratuito a todo o conteúdo em nosso ambiente de educação a distância. 

 

CLIQUE AQUI PARA MAIS INFORMAÇÕES


 

Veja também o nosso vídeo divulgativo:

Livre

Curso Ead Missões e Evangelismo – Gratuito

Veja mais >>

Livre

Curso Ead para Ministérios de Louvor – Gratuito

Veja mais >>

Livre

Curso Ead: Como preparar um sermão expositivo – Gratuito

Veja mais >>


Assine este site.

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 6.747 outros assinantes