A BASE BÍBLICA PARA A REALIZAÇÃO DE MISSÕES NO RELATO DA CRIAÇÃO

Um dos maiores teólogos de missões, o holandês J. H. Bavinck, observou que Gênesis l. l é, obviamente, a base necessária da grande comissão dada nos evangelhos. De fato, ele tinha razão. O versículo tão conhecido diz: “No princípio criou Deus os céus e a terra”.

A CRIAÇÃO DO MUNDO

Destaca-se aí a amplitude da preocupação de Deus e, por conseguinte, o palco de missões. Nada menos que o mundo inteiro pertence à esfera do interesse de Deus. Antes de ser uma preocupação mais restrita, a preocupação é basicamente universal. Antes de ser o Deus de Israel, ele é o Deus do universo. Antes de ser o Deus da igreja, é o Senhor de tudo. (Mesmo o título usado no Antigo Testamento, Adonai, tem o sentido de “Senhor de tudo” ou “Senhor absoluto”, em vez de Adonî, forma esta que significa “meu Senhor”, representando, por exemplo, um deus particular de um indivíduo ou de uma nação.)

“Pois Deus amou o mundo de tal maneira…” (Jo 3.16). O escopo de Deus é o mundo criado. Nele, a mira de Deus está fixada. Ele tem um plano mestre para todas as coisas (l Co 15.28). Claro que o meio de alcançar este alvo é mais estreito: a igreja. Se o alvo da mira de Deus é o universo, certamente, a partir do NT, a espingarda carregada é a igreja, assim como foi Israel no AT. Embora a igreja continue sendo o centro do plano de Deus, não é, de maneira alguma, sua totalidade, seu limite e sua circunscrição.

A esfera da preocupação de Deus é universal. Por isso, disse Jesus: “… toda autoridade me foi dada no céu e na terra” (Mt 28.18). O mesmo Deus que tudo criou, sobre tudo possui toda autoridade (Cl 1.16-17) e de tudo receberá toda a glória e honra, “para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho, nos céus, na terra e debaixo da terra, e toda língua confesse que Jesus é Senhor para a glória de Deus Pai (Fp 2.10-11. Aqui, Paulo traduz o termo hebraico Adonai, “Senhor de tudo”, pelo equivalente grego kyrios e aplica-o à pessoa de Jesus, indicando que este Deus de toda criação, Jeová, é de fato o próprio Jesus de Nazaré!)

Portanto, quando Jesus disse a seus discípulos que fossem a todas as nações, a toda criatura e a toda parte do mundo, ele se baseava no fato de que o mundo todo pertence, por direito, a Deus, por ser sua criação.

A CRIAÇÃO DO SER HUMANO

O fato de que a preocupação de Deus é universal confirma-se no relato da criação do ser humano e no propósito de Deus designado para ele.

“Criou Deus, pois, o homem à sua imagem, à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou. E Deus os abençoou, e lhes disse: Sede fecundos, multiplicai-vos, enchei a terra e sujeitai-a; dominai sobre os peixes do mar, sobre as aves dos céus, e sobre todo animal que rasteja pela terra” (Gn 1.27-28).

Confirmamos que o objeto do domínio dado à humanidade é o mundo inteiro. Tanto os céus quanto a terra mais uma vez são mencionados na passagem. Entretanto, a esta altura, já há outra dimensão relacionada às missões, isto é, o papel do homem. Sua tarefa será dominar e sujeitar o mundo que Deus criou. Assim, ele recebe uma certa realeza delegada por Deus. Esta capacidade aparentemente (segundo a passagem) define a imagem de Deus no ser humano, a capacidade (e ordem!) de dominar, sujeitar e ordenar. Assim como Deus domina, governa e reina como Rei, o homem, sendo seu embaixador e enviado, também deve reinar como um rei sobre a criação de Deus. Foi com o fim de promover o reino de Deus que ao homem se imputou a imagem de Deus. É por isso mesmo que, depois da queda, houve tanta desordem e abuso de domínio do ser humano afastado de Deus. Somente uma restauração, uma recriação e um renascimento dos homens e das mulheres, por meio da redenção conseguida na cruz do Calvário, podem recapacitar o homem a participar do reino de Deus e a anunciar a todas as nações a chegada deste glorioso reino.

Portanto, o relato bíblico da criação já estabelece o palco de missões com escopo e foco universais. Destaca também o papel do homem como um embaixador que promove o domínio do Rei-Criador por todo o mundo.

compartilhe esta mensagem:

Facebook
Google+
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Pinterest
Print
Email
CURSOS EAD
Faça um curso Ead 
Gratuito
com certificação

Cursos a distância gratuitos

Cursos Ead parceria 
Setebras

Curso Ead: Introdução ao Marketing digital

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Introdução ao Marketing digital

Mais informações aqui

Curso Ead: Gestão de Projetos

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Gestão de Projetos

Mais informações aqui

Curso Ead: Inovação e Criatividade

Curso Ead gratuito parceria com o Setebras.

Curso Ead: Inovação e criatividade

Mais informações aqui
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
POSTAGENS ANTERIORES

Faça um curso teológico Gratuito

QUER FAZER UM CURSO DE TEOLOGIA GRATUITAMENTE?

Faça um curso de teologia com acesso gratuito a todo o conteúdo em nosso ambiente de educação a distância. 

 

CLIQUE AQUI PARA MAIS INFORMAÇÕES


 

Veja também o nosso vídeo divulgativo:

Assine este site.

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 7.183 outros assinantes